terça-feira, 17 de dezembro de 2013

Joseph Haydn (1732-1809) - The Last Seven Words of Our Saviour on the Cross

O profundo significado dos Evangelhos provocou muitos estudos dos religiosos, cientistas e artistas. Na música, tratando-se, especificamente, do caso das "sete palavras", três nomes são conhecidos: Johann Sebastian Bach (1685-1770), que explorou fatores bíblicos, segundo as mensagens de São João e São Mateus (discípulos do Senhor), dando a forma de "Oratório" com grandes coros, orquestra e solistas. Nas suas obras, J. S. Bach narra a vida e a obra de Jesus Cristo, dando a mesma importância tanto a Jesus como a Cristo, fielmente abordando o sofrimento do "Homem Jesus" e a glória de "Cristo-Deus", seguindo a interpretação da Igreja popular; Joseph Haydn (1732-1809) que interpreta as "Sete Palavras" como etapas diferentes da vida e obra de Jesus Cristo, partindo do "Homem Jesus" até a glória do Cristo, Filho e mensageiro do Pai; e Gubaidúlina Sofia, compositora russa nascida em 1931 na República Tártara, na cidade de Chistopol. Nesta obra, a compositora demonstra a maior preocupação com o sofrimento do "Homem Jesus", usando para isto toda a técnica e conhecimento de instrumentos tais como o violoncelo e o "baião", instrumento folclórico russo, espécie de acordeão simplificado, para impressionar os ouvintes com o sofrimento de Jesus que se sacrificou para salvar e redimir a humanidade. Esta preocupação se justifica por ela viver e ter crescido num país dominado pelo materialismo e total desrespeito à religião, até as radicais mudanças acontecidas nos últimos anos. Escolhemos a interpretação de Haydn que fica mais próxima da compreensão que temos do Drama Cósmico e da verdadeira relação entre o "Homem Jesus" e "Cristo, Filho de Deus" e Seu mensageiro. Daqui

Joseph Haydn (1732-1809) - The Last Seven Words of Our Saviour on the Cross

01. Introduzione
02. No.1_ Vater, vergib ihnen, Denn sie wissen nicht, was sie tun
03. No.2_ Furwahr, ich sag’ es dir_ Heute wirst du bei mir in Paradiese sein
04. No.3_ Frau, hier siehe deinen Sohn, Und du, siehe deine Mutter!
05. No.4_ Mein Gott! Warum hast du mich verlassen_
06. Introduzione
07. No.5_ Jesus rufet_ Ach, mich durstet!
08. No.6_ Es ist vollbracht
09. No.7_ Vater, in deine Hande empfehle ich meinen Geist
10. Il terremoto. Er ist nicht mehr

Você pode comprar este disco na Amazon

London Philharmonic Orchestra and Choir
Vladimir Jurowski, condutor
Lisa Milne, soprano 
Ruxandra Donose, mezzo-soprano 
Andrew Kennedy, tenor
Christopher Maltman, barítino


*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

2 comentários:

Anônimo disse...

Salve Carlinus! Desculpe se faço meu pedido no lugar errado, mas não encontrei outro. Será que você poderia reupar o cd desse link aqui: http://oserdamusica.blogspot.com.br/2010/01/ludwig-van-beethoven-1770-1827-sonata.html

Grato desde já e parabéns pelo seu trabalho na divulgação da boa música!

Carlindo José disse...

Grande obra do mestre Haydn, mal vejo a hora de realizar a audição desta belíssima obra. As Sete últimas palavras de Cristo na Cruz trazem a nós um significado tremendo, que Haydn transformou em música, uma das várias formas de nos demonstrar estes significados.

Muito obrigado pela postagem.