quinta-feira, 23 de novembro de 2017

Camille Saint-Säens (1835-1921) - Piano Quartet in B flat major, op.41, Piano WQuintet in A minor, op.14, Barcarolle in F major, op.108,

Disquinho bastante curioso com a música camerística do francês Camille Saint-Säens. O francês foi um sujeito cosmopolita, desses que possuem uma visão ampla do mundo. Era um grande viajante; viveu quase um século e produziu uma excelente obra musical. O disco do selo Naxos nos premia com dois quintetos para piano e a deliciosa Barcarolle, opus 108. É um disco bastante agradável. Vale a pena ouvir. Não deixe de fazê-lo. Uma boa apreciação! 

Camille Saint-Säens (1835-1921) - 

01. Piano Quartet in B flat major, op.41 - I. Allegretto
02. Piano Quartet in B flat major, op.41 - II. Andante maestoso ma con moto
03. Piano Quartet in B flat major, op.41 - III. Poco allegro più tosto moderato
04. Piano Quartet in B flat major, op.41 - IV. Allegro
05. Barcarolle in F major, op.108
06. Piano WQuintet in A minor, op.14 - I. Allegro moderato e maestoso
07. Piano WQuintet in A minor, op.14 - II. Andante sostenuto
08. Piano WQuintet in A minor, op.14 - III. Presto
09. Piano WQuintet in A minor, op.14 - IV. Allegro assai, ma tranquillo

Fine Arts Quartet

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

quarta-feira, 22 de novembro de 2017

Johann Brahms (1833-1897) - Piano Concerto No. 2 in B-flat major, Op. 83, Ludwig van Beethoven (1770-1827) - Piano Sonata No. 23 in F minor - Appassionata - , Op. 15

Sviatoslav Richter foi um dos grandes pianistas do século passado. Era soviético, nascido no 1915 e morto em 1997. Possuía uma obra bastante extensa, que ia de Bach a Debussy. Era necessariamente um pianista virtuose. Neste disco, Richter interpreta o Concerto número 2 de Brahms; e, em seguida, executa a maravilhosa "Appassionata", uma das mais intimistas e líricas sonatas de Beethoven. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

2-01 Piano Concerto No. 2 in B-flat major, Op. 83_ 1. Allegro ma non troppo
2-02 Piano Concerto No. 2 in B-flat major, Op. 83_ 2. Allegro appassionato
2-03 Piano Concerto No. 2 in B-flat major, Op. 83_ 3. Andante
2-04 Piano Concerto No. 2 in B-flat major, Op. 83_ 4. Allegretto grazioso
2-05 Piano Sonata No. 23 in F minor _Appassionata_, Op. 15_ 1. Allegro assai
2-06 Piano Sonata No. 23 in F minor _Appassionata_, Op. 15_ 2. Andante con motto
2-07 Piano Sonata No. 23 in F minor _Appassionata_, Op. 15_ 3. Allegro ma non troppo

Chicago Symphony Orchestra
Leinsdorf, regente
Sviatoslav Richter, piano

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

Alberto Ginastera (1916-1983) - Complete Music for cello and piano

Disquinho bastante bom com a música de um dos maiores músicos das Américas. Estamos falando de Alberto Ginastera, uma espécie de Villa-Lobos portenho. A música de Ginastera exagera na grandiosidade e no vigor técnico. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

Alberto Ginastera (1916-1983) - 

01. Pampeana No. 2, Op. 21
02. 5 canciones populares argentinas, Op. 10 (arr. for cello and piano) - No. 1. Chacarera
03. No. 2. Triste
04. No. 3. Zamba
05. No. 4. Arrorró
06. No. 5. Gato
07. Punena No. 2, Op. 45, 'Hommage a Paul Sacher' - I. Harawi
08. II. Wayno karnavalito
09. Cello Sonata, Op. 49 - I. Allegro deciso
10. II. Adagio passionato
11. III. Presto mormoroso
12. IV. Allegro con fuoco

Mark Kosower, cello
Jee-Won Oh, piano

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

terça-feira, 21 de novembro de 2017

DG Concerts - Elgar, W. A. Mozart & Gustav Holst

Postagem para finalizar os trabalhos pelo dia de hoje. O disco é uma gravação ao vivo executado  pelo jovem e excelente regente Sakari Oramo. Acredito que quem rouba a cena é Os Planetas, de Holst. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

01. Serenade for String Orchestra in E Minor, Op. 20I. Allegro piacevole
02. Serenade for String Orchestra in E Minor, Op. 20II. Larghetto
03. Serenade for String Orchestra in E Minor, Op. 20III. Allegretto
04. Violin Concerto No. 5 in A Major, KV 219I. Allegro aperto
05. Violin Concerto No. 5 in A Major, KV 219II. Adagio
06. Violin Concerto No. 5 in A Major, KV 219III. Rondeau (Tempo di minuetto)
07. The Planets, Op. 32I. Mars, the Bringer of War
08. The Planets, Op. 32II. Venus, the Bringer of Peace
09. The Planets, Op. 32III. Mercury, the Winged Messenger
10. The Planets, Op. 32IV. Jupiter, the Bringer of Jollity
11. The Planets, Op. 32V. Saturn, the Bringer of Old Age
12. The Planets, Op. 32VI. Uranus, the Magician
13. The Planets, Op. 32VII. Neptune, the Mystic

City of Birminghan Symphony Orchestra
Skari Oramo, regente

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

Robert Schumann (1810-1856) - Violin Sonatas Nos. 1 & 2

Disquinho maravilhoso com a música sensível de Robert Schumann. O disco traz duas sonatas para violino e piano. O diálogo, a intimidade, dos dois instrumentos torna o disco em algo de grande beleza. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

Robert Schumann (1810-1856) -

01. Violin Sonata No. 1 in A Minor, Op. 105_ I. Mit Leidenschaftlichem Ausdruck
02. Violin Sonata No. 1 in A Minor, Op. 105_ II. Allegretto
03. Violin Sonata No. 1 in A Minor, Op. 105_ III. Lebhaft
04. Violin Sonata No. 2 in D Minor, Op. 121_ I. Ziemlich langsam-Lebhaft
05. Violin Sonata No. 2 in D Minor, Op. 121_ II. Sehr lebhaft
06. Violin Sonata No. 2 in D Minor, Op. 121_ III. Leise, einfach
07. Violin Sonata No. 2 in D Minor, Op. 121_ IV. Bewegt

Nicolas Chumachenco, violino
Daniel Lev, piano

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!
 

segunda-feira, 20 de novembro de 2017

Richard Wagner (1813-1883) - Tannhauser Highlights

Quando escutamos as óperas de Wagner, entendemos o porquê de ele ser considerado como um dos mais importantes artistas do gênero da história da música. Ele ergueu monumentos extraordinários. Catedrais enormes. Dramas musicais capazes de provocar  sensações extraordinárias. Somente a Tetralogia do Anel já seria suficiente para colocá-lo entre os maiores da história. Neste delicioso disco - que escutei com máximo interesse - encontramos alguns excertos da ópera  Tannhauser do compositor alemão. A qualidade é alta. Na capa do disco podemos perceber o grande tenor espanhol Placido Domingos. Não deixe de conferir. Uma boa apreciação!

Richard Wagner (1813-1883) - Tannhauser Highlights 

01 - Ouverture
02 - Nacht euch dem Strande
03 - Dich, teure Halle, gross ich wieder
04 - Dort ist sie, nahe dich ihr ungestort _
05 - Gepriesen sei di Stunde
06 - Freundig begrussen wir die edle Halle
07 - Wir Todesahnung Dammrung deckt die Lande
08 - O du mein holder Abendstern
09 - Ich horte Harfenschlag, wie klang er traurig _
10 - Inbrunst im Herzen wie kein Busser noch
11 - Dahin zog's mich, wo ich der Wonn und Lust
12 - Willkommen, ungetreuer Mann _
13 - Heil _ Der Gnade Wunder Heil _

Philharmonia Orchestra
Giuseppe Sinopoli, regente

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!


Johann Sebastian Bach (1685-1770) - Partitas for Violin Solo

Mais uma excelente postagem para começarmos bem a semana! Dessa vez temos as Partitas para violino, de Johann Sebastian Bach. Existem outros discos do compositor alemão com a grande violinista. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

Johann Sebastian Bach (1685-1770) - 

01. Partita No.1 h-moll BWV 1002 - I.Allemanda
02. Partita No.1 h-moll BWV 1002 - II.Double
03. Partita No.1 h-moll BWV 1002 - III.Corrente
04. Partita No.1 h-moll BWV 1002 - IV.Double (Presto)
05. Partita No.1 h-moll BWV 1002 - V.Sarabande
06. Partita No.1 h-moll BWV 1002 - VI.Double
07. Partita No.1 h-moll BWV 1002 - VII.Tempo di Borea
08. Partita No.1 h-moll BWV 1002 - VIII.Double
09. Partita No.2 d-moll BWV 1004 - I.Allemanda
10. Partita No.2 d-moll BWV 1004 - II.Corrente
11. Partita No.2 d-moll BWV 1004 - III.Sarabande
12. Partita No.2 d-moll BWV 1004 - IV.Giga
13. Partita No.2 d-moll BWV 1004 - V.Ciaccona
14. Partita No.3 E-Dur BWV 1006 - I.Preludio
15. Partita No.3 E-Dur BWV 1006 - II.Loure
16. Partita No.3 E-Dur BWV 1006 - III.Gavotte en Rondeau
17. Partita No.3 E-Dur BWV 1006 - IV.Menuet I & II
18. Partita No.3 E-Dur BWV 1006 - V.Bourree
19. Partita No.3 E-Dur BWV 1006 - VI.Gigue

Vicktoria Mullova, violino

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!


domingo, 19 de novembro de 2017

Claude Debussy (1862-1918) - Printemps, L. 61, Sergei Rachmaninov (1873-1943) - Spring Cantata, Op.20, Igor Stravinsky (1882-1971) -

Disquinho bastante interessante. O disco traz três importantes compositores - Debussy, Rachmaninov e Igor Stravinsky. Os três compositores fizeram escola no século XX. Vale a pena ouvir. Não deixe de fazê-lo. Uma boa apreciação!

01. Printemps, L. 61_ I. Très modéré
02. Printemps, L. 61_ II. Modéré
03. Spring Cantata, Op.20
04. The Rite of Spring, Part 1_ I. Adoration of the Earth
05. The Rite of Spring, Part 1_ II. The Augurs of Spring - Dances of the Young Girls
06. The Rite of Spring, Part 1_ III. Ritual of Abduction
07. The Rite of Spring, Part 1_ IV. Spring Rounds
08. The Rite of Spring, Part 1_ V. Ritual of the Rival Tribes
09. The Rite of Spring, Part 1_ VI. Procession of the Sage
10. The Rite of Spring, Part 1_ VII. The Sage
11. The Rite of Spring, Part 1_ VIII. Dance of the Earth
12. The Rite of Spring, Part 2_ I. The Sacrifice
13. The Rite of Spring, Part 2_ II. Mystic Circles of the Young Girls
14. The Rite of Spring, Part 2_ III .Glorification of the Chosen One
15. The Rite of Spring, Part 2_ IV. Evocation of the Ancestors
16. The Rite of Spring, Part 2_ V. Ritual Dance of the Ancestors
17. The Rite of Spring, Part 2_ VI. Sacrificial Dance

Royal Liverpool Philharmonic Orchestra
Vasily Petrenko, regente

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!


Franz Schubert (1797-1828) - The Symphonies

Escutei os quatro discos desta caixa ao longo da semana que passou. Ouvi enquanto ia e voltava do trabalho para casa  - ou vice-versa. Particularmente, tenho uma grande admiração pelas nove sinfonias do austríaco. Aqui elas ganham uma interpretação de fôlego com os instrumentos de época da orquestra de Frans Brüggen. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

Franz Schubert (1797-1828) - 

DISCO 01

01. I Adagio Allegro vivace
02. II Andante
03. III Allegro
04. IV Allegro vivace
05. I Adagio molto Allegro vivace
06. II Andante
07. III Menuetto: Allegro vivace Trio
08. IV Allegro

DISCO 02

01. I Largo Allegro vivace
02. II Andante
03. III Menuetto: Allegro vivace Trio
04. IV Presto vivace
05. I Adagio maestoso Allegro con brio
06. II Allegretto
07. III Menuetto: Vivace Trio
08. IV Presto vivace
09. I Allegro
10. II Andante con moto
11. III Menuetto: Allegro molto Trio
12. IV Allegro vivace

DISCO 03

01. I Allegro moderato
02. II Andante con moto
03. I Adagio Allegro
04. II Andante
05. III Scherzo: Presto Trio
06. IV Allegro moderato

DISCO 04

01. I Andante Allegro ma non troppo
02. II Andante con moto
03. III Scherzo: Allegro vivace
04. IV Allegro vivace

Orchestra of the 18th Century
Frans Brüggen, regente

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUIparte1
BAIXAR AQUIparte2
BAIXAR AQUIparte3

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

sábado, 18 de novembro de 2017

Giovanni Pierluigi da Palestrina (1525-1594) - Missa Aeterna Christi munera, for 4 voices,

Postei os dois discos iniciais desta caixa fabulosa no início do mês. Espero que aquelas pessoas interessadas nos discos da caixa, perdoem-me pela demora em trazer os três últimos. Procrastinei como não deveria. Mas eis que agora surgem os três últimos discos. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

Giovanni Pierluigi da Palestrina (1525-1594) -

DISCO 03

1. Puer natus est nobis, introit
2. Missa Brevis, for 4 voices: Kyrie
3. Missa Brevis, for 4 voices: Gloria
4. Viderunt omnes, gradual in mode 5 (Liber Usualis, No. 409; GR. 33)
5. Missa Brevis, for 4 voices: Credo
6. Tui sunt caeli, offertory in mode 4
7. Missa Brevis, for 4 voices: Sanctus
8. Missa Brevis, for 4 voices: Benedictus
9. Viderunt Omnes, communion in mode 1 (Liber Usualis, No. 410, GR. 35)
10. Missa Brevis, for 4 voices: Agnus Dei
11. Cibavit eos, introit
12. Missa Laude Sion, for 4 voices: Kyrie
13. Missa Laude Sion, for 4 voices: Gloria
14. Occuli omnium, gradual in mode 7
15. Missa Laude Sion, for 4 voices: Credo
16. Sacerdotes Domini, offertory
17. Missa Laude Sion, for 4 voices: Sanctus
18. Missa Laude Sion, for 4 voices: Benedictus
19. Quotiescumque manducabitis panem hunc
20. Missa Laude Sion, for 4 voices: Agnus Dei
21. Super flumina Babylonis, motet for 4 voices (from Motets Book II for 4 voices)
22. Sicut cervus, motet for 4 voices (from Motets Book II for 4 voices)

DISCO 04

1. Aeterna Christi Munera, hymn in mode 1
2. Mihi autem, introit
3. Missa Aeterna Christi munera, for 4 voices: Kyrie
4. Missa Aeterna Christi munera, for 4 voices: Gloria
5. Constitues eos, graduale
6. Missa Aeterna Christi munera, for 4 voices: Credo
7. Mihi autem, offertory
8. Missa Aeterna Christi munera, for 4 voices: Sanctus
9. Missa Aeterna Christi munera, for 4 voices: Benedictus
10. Venite post me, communion in mode 8 (Liber Usualis No. 1306; Graduale Romanum No. 395)
11. Missa Aeterna Christi munera, for 4 voices: Agnus Dei
12. In virtute tua, introit
13. Missa L'homme armé, for 4 voices (from Masses Book IV): Kyrie
14. Missa L'homme armé, for 4 voices (from Masses Book IV): Gloria
15. Beatus vir, gradual in mode 5
16. Missa L'homme armé, for 4 voices (from Masses Book IV): Credo
17. Gloria et honore, offertory
18. Missa L'homme armé, for 4 voices (from Masses Book IV): Sanctus
19. Missa L'homme armé, for 4 voices (from Masses Book IV): Benedictus
20. Qui Vult Venire Post Me (Communio)
21. Missa L'homme armé, for 4 voices (from Masses Book IV): Agnus Dei

DISCO 05

1. Gaudeamus omnes, introit
2. Missa Papae Marcelli, for 6 voices: Kyrie
3. Missa Papae Marcelli, for 6 voices: Gloria
4. Propter Veritatem, gradual
5. Missa Papae Marcelli, for 6 voices: Credo
6. Assumpta est Maria, offertorium
7. Missa Papae Marcelli, for 6 voices: Sanctus
8. Missa Papae Marcelli, for 6 voices: Benedictus
9. Missa Papae Marcelli, for 6 voices: Agnus Dei 1
10. Missa Papae Marcelli, for 6 voices: Agnus Dei 2
11. Optimum partem, communio
12. Stabat mater, motet for 8 voices

Pro Cantione Antiqua
Mark Brown
Bruno Turner
Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUIparte1
BAIXAR AQUIparte2

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

sexta-feira, 17 de novembro de 2017

Heitor Villa-Lobos (1887-1957) - Symphony No. 1, Op. 112, W. 114 - O Imprevisto e Symphony No. 2, Op. 160, W. 132 - Ascenção

Hoje, 17 de novembro, é dia em que lembramos a morte do grande Villa. Aquele que tornou a sua obra conhecida em todo o mundo. Não que não haja outros bons compositores no Brasil. Sim! Há! Todavia, a obra de Villa-Lobos mergulhou profundamente no coração do Brasil - em sua cultura, natureza; nas feições do povo; nas mais variadas realidades desse enorme, rico e multifacetado país chamado Brasil. Como busco fazer todos os anos, sempre realizo uma pequena e singela homenagem ao grande Villa. Desta vez, trazemos as suas duas primeiras sinfonias. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

P.S. Desculpem pelo equívoco inicial. Foi no automático! Obrigado pela dica!

Heitor Villa-Lobos (1887-1957) - 

01. Symphony No. 1, Op. 112, W. 114 _O Imprevisto__ I. Allegro assai moderato
02. Symphony No. 1, Op. 112, W. 114 _O Imprevisto__ II. Adagio
03. Symphony No. 1, Op. 112, W. 114 _O Imprevisto__ III. Scherzo. Allegro vivace
04. Symphony No. 1, Op. 112, W. 114 _O Imprevisto__ IV. Allegro con brio
05. Symphony No. 2, Op. 160, W. 132 _Ascenção__ I. Allegro non troppo
06. Symphony No. 2, Op. 160, W. 132 _Ascenção__ II. Allegretto scherzando
07. Symphony No. 2, Op. 160, W. 132 _Ascenção__ III. Andante moderato
08. Symphony No. 2, Op. 160, W. 132 _Ascenção__ IV. Allegro

Orquestra Sinfônica do Estado de São Paulo
Isaac Karabtchevsky, regente

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

quinta-feira, 16 de novembro de 2017

Antonio Vivaldi (1678-1741) - Le Quattro Stagioni

Tenho uma admiração profunda pela música de Antonio Vivaldi. E mais ainda por uma das suas principais obras - As quatro estações, uma das obras mais luminosas e belas da história da música. Vez ou outra, o grande compositor do barroco italiano aparece por aqui. Em As quatro estações - uma obra programática - Vivaldi conseguiu de maneira extremamente feliz, descrever as manifestações de cada uma das estações do ano - primavera, verão, outono e inverno (nesta sucessão). Aqui nós temos uma excelente leitura com o Freiburger Barockorchester, tendo como violinista solo Gottfried von der Goltz. É coisa para ouvir e se entusiasmar. Não deixe ouvir. Uma boa apreciação!

Antonio Vivaldi (1678-1741) - 

01. Concerto Nr.1 in E major 'La Primavera' RV 269_ I. Allegro
02. II. Largo
03. III. Allegro
04. Concerto Nr.2 in G minor 'L'Estate' RV 315_ I. Allegro non molto - Allegro
05. II. Adagio - Presto - Adagio
06. III. Presto
07. Concerto Nr.3 in F major 'L'Autunno' RV 293_ I. Allegro
08. II. Adagio molto
09. III. Allegro (La caccia)
10. Concerto Nr.4 in F minor 'L'Inverno' RV 297_ I. Allegro non molto
11. II. Largo
12. III. Allegro
13. Concerto Nr.6 in C major 'Il Piacere' RV 180_ I. Allegro non molto
14. II. Largo
15. III. Allegro
16. Concerto Nr.5 in E flat major 'La tempesta di mare ' RV 315_ I. Presto - Adag
17. II. Largo
18. III. Presto
19. Sonnetti Dimostrativi delle 'Quattro Stagioni'_ I. La primavera
20. II. L'estate
21. III. L'autunno
22. IV. L'inverno

Freiburger Barockorchester
The Harp Consort
Gottfried von der Goltz, violino

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

Jazz - Joe Newman Quintet - At Count Basie's

Um discaço ao vivo! Entusiasma. Como buscamos fazer todas as semanas, religiosamente, eis que surge o disco de jazz. É bom! O disco traz o Joe Newman Quintet, trazendo o excelente Joe Newman à frente da coisa. Pode-se perceber que a musicalidade da maior parte das músicas está baseada no blues. É o caso de Plese Send Me Someone To Love. Mas outras fazem parte do genuíno bop. É o caso, por exemplo, da vibrante The Midgets. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

01 Caravan 9:48
02 Love Is Here To Stay 4:35
03 Plese Send Me Someone To Love 5:49
04 The Midgets 4:25
05 On Green Dolphin Street 5:55
06 Wednesday's Blues 8:13

Bass – Art Davis
Drums – Ed Shaughnessy
Piano – Lloyd Mayers
Tenor Saxophone – Oliver Nelson
Trumpet – Joe Newman

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

quarta-feira, 15 de novembro de 2017

Leonardo Leo (1694-1744) - Cello Concertos & Sinfonia Concertata for cello & strings in C minor

Disco imensamente agradável com a música do fascinante Leonardo Leo, mais uma pérola da música barroca. Leo é um dos maiores nomes da escola italiana de origem napolitana. Como se pode perceber, o compositor viveu apenas cinquenta anos. Todavia, a sua obra é sólida e merece o mais alto respeito como um dos grandes compositores do período barroco. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

Leonardo Leo (1694-1744) -

DISCO 01

01. Cello Concerto in D major, L. 10: Andantino grazioso
02. Cello Concerto in D major, L. 10: Con bravura
03. Cello Concerto in D major, L. 10: Larghetto con poco moto a mezza voce
04. Cello Concerto in D major, L. 10: Fuga
05. Cello Concerto in D major, L. 10: Allegro di molto
06. Cello Concerto in A major, L. 20: Andantino grazioso
07. Cello Concerto in A major, L. 20: Allegro
08. Cello Concerto in A major, L. 20: Larghetto
09. Cello Concerto in A major, L. 20: Allegro
10. Sinfonia Concertata for cello & strings in C minor: Andante grazioso
11. Sinfonia Concertata for cello & strings in C minor: Fugato
12. Sinfonia Concertata for cello & strings in C minor: Larghetto
13. Sinfonia Concertata for cello & strings in C minor: Allegro

DISCO 02

1. Cello Concerto in F minor, L. 40: Andante grazioso
2. Cello Concerto in F minor, L. 40: Allegro
3. Cello Concerto in F minor, L. 40: Largo e grazioso
4. Cello Concerto in F minor, L. 40: Allegro
5. Cello Concerto in A major, L. 50: Andante piacevole
6. Cello Concerto in A major, L. 50: Allegro
7. Cello Concerto in A major, L. 50: Larghetto e grazioso
8. Cello Concerto in A major, L. 50: Allegro
9. Cello Concerto in D minor (from 6 Concerti per violoncello), L. 60: Andante grazioso
10. Cello Concerto in D minor (from 6 Concerti per violoncello), L. 60: Con Spirito
11. Cello Concerto in D minor (from 6 Concerti per violoncello), L. 60: Amoroso
12. Cello Concerto in D minor (from 6 Concerti per violoncello), L. 60: Allegro

German Chamber Orchestra

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!


Ludwig van Beethoven (1770-1827) - Symphony No. 3 in E-Flat Major, Op. 55, _Eroica e Dmitri Shostakovich (1906-1975) - Symphony No. 10 in E Minor, Op. 93

Postagem de uma tarde de feriado. Escutei os dois discos deste registro hoje pela manhã. Ainda não conhecia o maestro Michael Sanderling. Pelo sobrenome, existe uma ligação com o mítico Kurt Sanderling, um dos grandes regentes do século XX. Descobri que Michael é o filho mais novo de Kurt. Percebi ainda que o jovem regente anda a fazer discos duplos, estabelecendo relações das sinfonias de Beethoven com Shostakovich. São mundos estéticos diferentes. Todavia, cada um dos compositores foi intenso em suas percepções. Neste disco, por exemplo, temos dois trabalhos políticos. O primeiro é a Sinfonia no. 3, de Beethoven; o segundo, a Sinfonia no. 10, de Shostakovich. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

DISCO 01

01. Symphony No. 3 in E-Flat Major, Op. 55, _Eroica__ I. Allegro con brio
02. Symphony No. 3 in E-Flat Major, Op. 55, _Eroica__ II. Marcia funebre. Adagio assai
03. Symphony No. 3 in E-Flat Major, Op. 55, _Eroica__ III. Scherzo. Allegro vivace
04. Symphony No. 3 in E-Flat Major, Op. 55, _Eroica__ IV. Finale. Allegro molto

DISCO 02

01. Symphony No. 10 in E Minor, Op. 93_ I. Moderato
02. Symphony No. 10 in E Minor, Op. 93_ II. Allegro
03. Symphony No. 10 in E Minor, Op. 93_ III. Allegretto
04. Symphony No. 10 in E Minor, Op. 93_ IV. Andante-Allegro

Dresdner Philharmonie
Michael Sanderling, regente

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUIparte1
BAIXAR AQUIparte2

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

terça-feira, 14 de novembro de 2017

Anton Bruckner (1824-1896) - Symphony No.8 In C Minor, WAB 108

Para finalizamos o dia de hoje, trazemos a música indescritível de Anton Bruckner. No caso em questão, encontramos a poderosa Sinfono no. 8, uma das mais populares a ser escrita pelo compositor. É ouvir e se deleitar. Não deixe de fazê-lo. Hema boa apreciação!

Anton Bruckner (1824-1896) - 

DISCO 01

01. Symphony No.8 1st movement
02. Symphony No.8 2nd movement

DISCO 02

01. Symphony No.8 3rd movement
02. Symphony No.8 4th movement

Osaka Philharmonic Orchestra
Takashi Asahina, regente

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

Ludwig van Beethoven (1770-1827) - Piano Concerto No.5, op.73 'Emperor' e Piano Sonata No.28, op.101

Vamos a mais um belíssimo disco com a estonteante Hélène Grimaud. Ontem, eu postei um disco interpretado por ela, cujo compositor era Mozart. Hoje, trazemos a mesma Grimaud. Todavia, o compositor é bastante diverso. Trata-se de Beethoven.  O disco traz duas obras do alemão.  A primeira é o Concerto No. 5; a segunda é a bela e intimista Sonata número 28. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

Ludwig van Beethoven (1770-1827) - 

01. Piano Concerto No.5, op.73 'Emperor' - I. Allegro
02. Piano Concerto No.5, op.73 'Emperor' - II. Adagio un poco mosso - attacca_
03. Piano Concerto No.5, op.73 'Emperor' - III. Rondo. Allegro
04. Piano Sonata No.28, op.101 - I. Allegretto, ma non troppo
05. Piano Sonata No.28, op.101 - II. Vivace alla marcia
06. Piano Sonata No.28, op.101 - III. Adagio, ma non troppo, con affetto
07. Piano Sonata No.28, op.101 - IV. Allegro

Staatskapelle Dresden
Vladimir Jurowski, regente
Hélène Grimaud, piano

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

segunda-feira, 13 de novembro de 2017

G. B. Platti (1697-1763) - Messa a quattro in F Major, Stabat mater etc

Postagem para finalizar o dia de hoje. Traz Giovanni Platti, o compositor italiano nascido no final do século XVII. O disco enfatiza a obra religiosa do compositor. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

G. B. Platti (1697-1763) - 

01.- Messa a quattro in F Major- Kyrie
02.- Messa a quattro in F Major- Gloria
03.- Messa a quattro in F Major- Credo
04.- Messa a quattro in F Major- Sanctus
05.- Messa a quattro in F Major- Benedictus
06.- Messa a quattro in F Major- Agnus Dei
07.- Stabat mater
08.- Messa a quattro in A Major- Kyrie
09.- Messa a quattro in A Major- Gloria
10.- Messa a quattro in A Major- Credo
11.- Messa a quattro in A Major- Sanctus
12.- Messa a quattro in A Major- Benedictus
13.- Messa a quattro in A Major- Agnus Dei

I Cantore della Ressurrezione di Porto Torres
Antonio Sanna, direção

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo
!

Johannes Brahms (1833-1897) - Piano Concertos Nos. 1 & 2; Fantasias (7 Piano Pieces), Op.116

Disco imperdível! O registro traz os dois concertos para piano e orquestra de Brahms. O que temos aqui é, simplesmente, o que de mais fino já foi produzido em matéria de música orquestral para um instrumento solo. A regência fica a cargo de Eugene Jochum e, ao piano, temos Emil Gilels. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

Johannes Brahms (1833-1897) - 

01. Piano Concerto No.1 In D Minor, Op.15_1. Maestoso - Poco più moderato
02. Piano Concerto No.1 In D Minor, Op.15_2. Adagio
03. Piano Concerto No.1 In D Minor, Op.15_3. Rondo (Allegro non troppo)
04. Piano Concerto No.2 In B Flat, Op.83_1. Allegro non troppo
05. Piano Concerto No.2 In B Flat, Op.83_2. Allegro appassionato
06. Piano Concerto No.2 In B Flat, Op.83_3. Andante - Più adagio
07. Piano Concerto No.2 In B Flat, Op.83_4. Allegretto grazioso - Un poco più presto
08. Fantasias (7 Piano Pieces), Op.116_1. Capriccio In D Minor
09. Fantasias (7 Piano Pieces), Op.116_2. Intermezzo In A Minor
10. Fantasias (7 Piano Pieces), Op.116_3. Capriccio In G Minor
11. Fantasias (7 Piano Pieces), Op.116_4. Intermezzo In E Major
12. Fantasias (7 Piano Pieces), Op.116_5. Intermezzo In E Minor
13. Fantasias (7 Piano Pieces), Op.116_6. Intermezzo In E Major
14. Fantasias (7 Piano Pieces), Op.116_7. Capriccio In D Minor

Berliner Philharmoniker
Eugene Jochum, regente
Emil Gilels, piano

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUIparte1
BAIXAR AQUIparte2

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

domingo, 12 de novembro de 2017

Wolfgang Amadeus Mozart (1756-1791) - Piano Concertos Nos. 19 & 23; 'Ch'io mi scordi di te_

Postagem para finalizar o dia - e em grande estilo! O disco traz três obras de Mozart, o gênio austríaco. O compositor é daquelas figuras extraordinárias que sempre geram uma profunda admiração pela qualidade da sua música. Este disco foi lançado recentemente. O destaque é dado à figura da pianista francesa Hélène Grimaud, uma figura que encanta tanto pela beleza quanto pela técnica. São dois concertos para piano e três excertos de uma ópera mozartiana. É para ouvir e admirar. Não deixe de fazê-lo. Uma boa apreciação!

Wolfgang Amadeus Mozart (1756-1791) - 

01. Piano Concerto No.19 in F major K. 459 - I. Allegro vivace
02. Piano Concerto No.19 in F major K. 459 - II. Allegretto
03. Piano Concerto No.19 in F major K. 459 - III. Allegro assai
04. 'Ch'io mi scordi di te_' - 'Non temer, amato bene' K. 505 (Idamante) - Recita
05. 'Ch'io mi scordi di te_' - 'Non temer, amato bene' K. 505 (Idamante) - Rondo_
06. 'Ch'io mi scordi di te_' - 'Non temer, amato bene' K. 505 (Idamante) - Allegr
07. Piano Concerto No.23 in A major K. 488 - I. Allegro
08. Piano Concerto No.23 in A major K. 488 - II. Adagio
09. Piano Concerto No.23 in A major K. 488 - III. Allegro assai

Kammerorchester des Symphonieorchester des Bayerischen Rundfunks
Radoslaw Szulc
Mojca Erdman, soprano
Hélène Grimaud, piano

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

Anton Bruckner (1824-1896) - Symphonies Nos. 0 & 1

Em minha parca, limitada opinião, penso que as sinfonias de Bruckner comecem pra valer a partir da Terceira. O que vem antes disso é um ensaio para algo grandioso, repleto de altas montanhas, como o são as sinfonias do compositor austríaco. Bruckner é um compositor fascinante; daqueles que provocam efeitos profundos na alma daquele que o escuta atentamente. Neste disco, encontramos duas de suas sinfonias - as de número 0 e 1. A primeira é da versão Nowak; a segunda versão do trabalho, do ano de 1869; a segunda é da edição Carregan; foi gravada no ano de 1866. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação. 

Anton Bruckner (1824-1896) - 

DISCO 01

01. Symphonie Nr.0  I. Allegro
02. II. Andante
03. III. Scherzo
04. IV. Finale

DISCO 02

01. Symphonie Nr.1 I. Allegro
02. II. Andante
03. III. Scherzo
04. IV. Finale

Tapiola Sinfonietta
Mario Venzango, regente

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

Argerich & Perlman play Schumann, Bach & Brahms


Primeira postagem do dia. Queria ter postado este disco no dia de ontem, mas fui a um programa familiar, o que acabou por me impedir. Hoje cedo, a primeira coisa que fiz ao acordar foi escutá-lo.  A manhã está fria, chuvosa, preguiçosa; ambiente propício para uma excelente companhia. A coisa aqui é grandiosa. Traz dois músicos que dispensam comentários pelo que fizeram ao longo de suas carreiras. São figuras do mais digno respeito e veneração. O entrosamento é incontestável. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

01. Violin Sonata No. 1 in A Minor, Op. 105 I. Mit leidenschaftlichem Ausdruck
02. Violin Sonata No. 1 in A Minor, Op. 105 II. Allegretto
03. Violin Sonata No. 1 in A Minor, Op. 105 III. Lebhaft
04. Fantasiestücke, Op. 73 I. Zart und mit Ausdruck
05. Fantasiestücke, Op. 73 II. Lebhaft, leicht
06. Fantasiestücke, Op. 73 III. Rasch und mit Feuer
07. Sonatensatz in C Minor, Op. posth. FAE Sonata Scherzo
08. Sonata for Violin and Piano No. 4 in C Minor, BWV 1017 I. Siciliano. Largo
09. Violin Sonata No. 4 in C Minor, BWV 1017 II. Allegro
10. Violin Sonata No. 4 in C Minor, BWV 1017 III. Adagio
11. Violin Sonata No. 4 in C Minor, BWV 1017 IV. Allegro

Itzhak Perlman, violino
Martha Argerich, piano

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

sábado, 11 de novembro de 2017

Sergei Prokofiev (1891-1953) - Violin Concerto No.1 in D major, Op.19, Violin Concerto No.2 in G minor, Op.63 e Sonata in D major for solo violin, Op.115

Sergei Prokofiev é um dos meus compositores favoritos. Sinto, sempre, um grande prazer quando o escuto. Seus dois concertos para violino e orquestra são verdadeiras obras-primas. Aqui ganham uma excelente interpretação com Vadim Gluzman, esse excelente violinista ucraniano, que já realizou inúmeras gravações pelo selo BIS. O disco é sensacional! Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

Sergei Prokofiev (1891-1953) - 

01. Violin Concerto No.1 in D major, Op.19 - I. Andantino
02. Violin Concerto No.1 in D major, Op.19 - II. Scherzo. Vivacissimo
03. Violin Concerto No.1 in D major, Op.19 - III. Moderato - Allegro moderato
04. Violin Concerto No.2 in G minor, Op.63 - I. Allegro moderato
05. Violin Concerto No.2 in G minor, Op.63 - II. Andante assai - Allegretto
06. Violin Concerto No.2 in G minor, Op.63 - III. Allegro ben marcato
07. Sonata in D major for solo violin, Op.115 - I. Moderato
08. Sonata in D major for solo violin, Op.115 - II. Andante dolce. Tema con variazioni
09. Sonata in D major for solo violin, Op.115 - III. Con brio - Allegro precipitato

Estonian National Symphony Orchestra
Neeme Järvi, regente
Vadim Gluzman, violino

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!


sexta-feira, 10 de novembro de 2017

Gyorgy Ligeti (1923-2006) - Concerto for Piano and Orchestra, Concerto for Cello and Orchestra, Concerto for Violin and Orchestra

Este é daqueles discos que não dá para perder. Temos aqui a representação daquilo que de mais sublime foi produzido pela música do século XX. De um lado temos Ligeti e Boulez, duas lendas; duas das figuras mais representativas dos últimos cem anos em matéria originalidade estética. Do outro lado, dois extraordinários instrumentistas - Aimard e Queyras. Ligeti ficou lembrado como o músico que ajudou a tornar o filme 2001: uma odisseia no espaço, de Stanley Kubrick, numa das obras mais sensacionais já produzidas pela indústria cinematográfica. Existe uma espécie de adequação entre a música do húngaro e as imagens criadas pela genialidade de Kubrick. Trata-se de algo que é uma verdadeira experiência lisérgico-religiosa. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

Gyorgy Ligeti (1923-2006) - 

01. Concerto for Piano and Orchestra (1985-8) - 1. Vivace Molto Ritmico E Preciso - Attacca Subito_
02. Concerto for Piano and Orchestra (1985-8) - 2. Lento e deserto
03. Concerto for Piano and Orchestra (1985-8) - 3. Vivace cantabile
04. Concerto for Piano and Orchestra (1985-8) - 4. Allegro risoluto, molto ritmico -
05. Concerto for Piano and Orchestra (1985-8) - 5.  Presto luminoso, fluido, Costante, Sempre Molto Ritmico
06. Concerto for Cello and Orchestra (1966) - 1. Quarter = 40_ Attacca
07. Concerto for Cello and Orchestra (1966) - 2.  (Lo stesso tempo)
08. Concerto for Violin and Orchestra (1990-2) - 1. Praeludium_ Vivacissimo Luminoso - Attacca_
09. Concerto for Violin and Orchestra (1990-2) - 2. Aria Hoquetus, Choral_ Andante Con Moto - Attacca_
10. Concerto for Violin and Orchestra (1990-2) - 3. Intermezzo. Presto fluido
11. Concerto for Violin and Orchestra (1990-2) - 4. Passacaglia. Lento intenso
12. Concerto for Violin and Orchestra (1990-2) - 5. Appassionato. Agitato molto

Ensemble InterContemporain
Pierre Boulez, regente
Pierre-Laurent Aimard, piano
Jean-Guihen Queyras, violonelo
Saschko Gawriloff, violino

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

Leopold Mozart (1717-1787) - Serenade in D for Trumpet, Trombone and Orchestra

Leopold Mozart é mais lembrado pelo fato de ter sido o progenitor do fenômeno, do prodígio chamado Mozart. Quando percebeu que o seu filho possuía habilidades musicais excepcionais, Leopold não exitou em fazer do filho a atração que divertia reis e rainhas pelos salões da Europa. Todavia, do ponto de vista de suas próprias composições, o músico ficou obscurecido pela grandiosidade do filho. De suas obras, tenho uma grande estima pelo seu Concerto para trompete, um dos mais belos já escritos, ao lado de outro escrito escrito por Haydn. Este disco é uma delícia. Não deixe de ouvir a música de Mozart pai. Uma boa apreciação!

Leopold Mozart (1719-1787) - 

01 _ I.- Intrada. Molto allegro
02 _ II.- Andante
03 _ III.- Menuetto und Trio
04 _ IV.- Andante (Trumpet Concerto)
05 _ V.- Allegro Moderato (Trumpet Concerto)
06 _ VI.- Adagio (Trombone Concerto)
07 _ VII.- Menuetto (Trombone Concerto)
08 _ VIII.- Allegro (Trombone Concerto)
09 _ IX.- Presto

Berlin RIAS Sinfonietta 

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

quinta-feira, 9 de novembro de 2017

Claude Debussy (1862-1918) - La Mer; Igor Stravinsky (1882-1971) - The Firebird

Mais um disco com o regente venezuelano Gustavo Dudamel. Como disse na outra postagem, com a Quarta Sinfonia de Brahms, estes discos foram gravados quando da chegada de Dudamel à Filarmônica de Los Angeles. Este registro, por exemplo, é do ano de 2013. Ao chegar a Los Angeles, Dudamel foi recepcionado como se fosse um astro de futebol. Houve uma participação efusiva do público. O que não faz a publicidade? E os estadunidenses são bons com isso1 Mas, Dudamel não é apenas um nome produzido pela publicidade. Ele é bom! É o que podemos perceber neste disco. Não é uma das suas melhores gravações. Ele já esteve mais inspirado em outros momentos. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

01. La Mer, L. 109 - I. From Dawn Till Noon On The Sea (De l'aube à midi sur la mer)
02. La Mer, L. 109 - II. Play Of The Waves (Jeux de vagues)
03. La Mer, L. 109 - III. Dialogue Of The Wind And The Sea (Dialogue du vent et de la mer)
04. The Firebird - Introduction
05. The Firebird, Tableau I - Kastchei's Enchanted Garden
06. The Firebird, Tableau I - Appearance Of The Firebird, Pursued By Ivan Tsarevich
07. The Firebird, Tableau I - Dance Of The Firebird
08. The Firebird, Tableau I - Capture Of The Firebird By Ivan Tsarevitch
09. The Firebird, Tableau I - The Firebird's Entreaties, Appearance Of The Thirteen Enchanted Princesses
10. The Firebird, Tableau I - The Princesses Game With The Golden Apples
11. The Firebird, Tableau I - Sudden Appearance Of Ivan Tsarevitch
12. The Firebird, Tableau I - Round Dance Of The Princesses
13. The Firebird, Tableau I - Sunrise, Ivan Tsarevitch Enters Kastchei's Palace
14. The Firebird, Tableau I - Magic Carillon, Appearance Of Kastchei's Monsters, - Appearance Of The Firebird
15. The Firebird, Tableau I - Dance Of Kastchei's Court, Bewitched By The Firebird
16. The Firebird, Tableau I - Infernal Dance Of Kastchei's Subjects
17. The Firebird, Tableau I - Lullaby (The Firebird) - Kastchei's Death; Darkness
18. The Firebird, Tableau II - The Palace And Creatures Of Kastchei Disappear.

Los Angeles Philharmoniker
Gustavo Dudamel, regente

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

Sergei Rachmaninov (1873-1943) - Complete Piano Concertos

Infelizmente, nunca havia parado para escutar os quatro concertos para piano e orquestra de Rachmaninov - ou pelo menos, nunca parara para ouvir com atenção. Passei por eles muitas vezes sem me dar conta de que se tratava de obras fabulosas, de grande riqueza melódica e rigor técnico. Tanto é assim que existem algumas gravações dessas obras aqui no blog. Mas, hoje, decidi ouvir atentamente as obras. O que me restou foi uma funda admiração. Uma sensação grandiosa de bem-estar. Impressiona, por exemplo, a beleza do Concerto no. 2. O segundo movimento é mavioso. O terceiro movimento derrama uma beleza ensolarada; uma alegria tépida. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

Sergei Rachmaninov (1873-1943) - 

DISCO 01

01. Piano Concerto no.1 in F-sharp minor, op.1 - 1. Vivace
02. Piano Concerto no.1 in F-sharp minor, op.1 - 2. Andante
03. Piano Concerto no.1 in F-sharp minor, op.1 - 3. Allegro vivace
04. Piano Concerto no.2 in C minor, op.18 - 1. Moderato
05. Piano Concerto no.2 in C minor, op.18 - 2. Adagio sostenuto
06. Piano Concerto no.2 in C minor, op.18 - 3. Allegro scherzando

DISCO 02

01. Piano Concerto No.3 in D Minor, Op. 30 - 1. Allegro Ma Non Tanto
02. Piano Concerto No.3 in D Minor, Op. 30 - 2. Adagio
03. Piano Concerto No.3 in D Minor, Op. 30 - 3. Alla Breve
04. Piano Concerto No.4 in G Minor, Op. 40 - 1. Allegro Vivace
05. Piano Concerto No.4 in G Minor, Op. 40 - 2. Largo
06. Piano Concerto No.4 in G Minor, Op. 40 - 3. Allegro Vivace

London Symphony Orchestra
Berliner Philharmoniker
Antonio Pappano, regente
Leif Ove Andsnes, piano

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUIparte1
BAIXAR AQUIparte2

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

Jazz - Art Pepper (1925-1982) - Among Friends

Chegamos, assim, ao terceiro de disco de jazz postado esta semana. As postagens seguidas fazem parte da tentativa de equalizar ou, pelo menos, colocar em dia as postagens jazzísticas. Hoje temos o grande Art Pepper. Se não me engano, esta é a segunda vez que Pepper aparece por aqui este ano. O músico foi um dos mais icônicos representantes do jazz no século XX. Era um inveterado, compulsivo usuário de drogas. Essa compulsão acabou por realizar bastantes estragos em sua saúde. O presente disco é uma joia, como os tantos álbuns que gravou. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

Art Pepper (1925-1982) - 

01. Among Friends  
02. Round About Midnight  
03. I'm Getting Sentimental Over You  
04. Blue Bossa  
05. What Is This Thing Called Love?  
06. What's New  
07. Besame Mucho  
08. I'll Remember April  
09. Blue Bossa ( Take 2 )

Art Pepper - alto sax
Russ Freeman - piano
Bob Magnussen - bass
Frank Butler - drums

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!


quarta-feira, 8 de novembro de 2017

Dexter Gordon (1923-1990) - The Panther

Mais um disco de jazz. Novamente temos o sensacional Dexter Gordon. O músico foi um gigante em todos os sentidos. Este é um dos bons discos da fase tardio do músico. O disco é do ano de 1970. Curiosamente, enquanto naquela época o jazz se voltava para o experimentalismo, Gordon gravava um disco sensacional com o bom e velho bop, ao lado do pianista Tommy Flanagan, outro monstro sagrado. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

Dexter Gordon (1923-1990) - 

01. The Panther
02. Body and Soul
03. Valse Robin
04. Mrs. Miniver
05. The Christmas Song
06. The Blues Walk

Dexter Gordon, tenor saxophone
Tommy Flanagan, piano
Alrry Ridley, bass
Alan Dawson, drums

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

terça-feira, 7 de novembro de 2017

Richard Strauss (1864-1949) - Don Juan, Op. 20, TrV 156 e Ein Heldenleben, Op. 40

Há quase um mês eu postei um disco com estas mesmas obras. São obras poderosas, idealistas, povoadas por um sentimento de expectativa. Com Richard Strauss, a música orquestral ganhou contornos de grandiosidade, de peso e densidade. Na verdade, os poemas sinfônicas são espetáculos à parte. Todos os eles são eventos extraordinários. Neste disco, temos o russo Valéry Gergiev regendo as obras de Strauss. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

Richard Strauss (1864-1949) - 

01. Don Juan, Op. 20, TrV 156
02. Ein Heldenleben, Op. 40, TrV 190_ I. Der Held
03. Ein Heldenleben, Op. 40, TrV 190_ II. Des Helden Widersacher
04. Ein Heldenleben, Op. 40, TrV 190_ III. Des Helden Gefährtin
05. Ein Heldenleben, Op. 40, TrV 190_ IV. Des Helden Wallstadt
06. Ein Heldenleben, Op. 40, TrV 190_ V. Des Helden Friedenswerke
07. Ein Heldenleben, Op. 40, TrV 190_ VI. Des Helden Weltflucht und Vollendung

Münchner Philharmoniker
Valéry Gergiev, regente

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

Jazz - Dexter Gordon (1923-1990) - Dexter Calling

Já faz uma duas semanas que não posto nada em matéria de jazz. Esta semana, postarei três discos para compensar o atraso. Sairá um na terça, um na quarta e um outro - na data convencional - na quinta-feira. O primeiro deles será com o grande saxofonista Dexter Gordon. Ele é considerado um dos mestres fundadores do bebop. Sua carreira se entende por quase cinquenta anos. Tocou com inúmeros mestres do movimento - Charles Mingus, Louis Armstrong entre outros. O presente disco é de grande magnitude. Se não acredita, vá à faixa Modal mood, a segunda do disco, e seja visitado por aquela energia luxuriante que somente um bom bop é capaz de transmitir. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

Dexter Gordon (1923-1990) - 

01. Soul sister
02. Modal mood
03. I want more
04. The end of a love affair
05. Clear the dex
06. Ernie's tune
07. Smile
08. Landslide

Dexter Gordon, tenor sax
Kenny Drew, piano
Paul Chambers, bass
Philly Joe Jones, drums

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!


segunda-feira, 6 de novembro de 2017

Ludwig van Beethoven (1770-1827) - Violin Concerto In D Major, Op. 61, 2 Romances for violin

Postagem de final de noite para alegrar e vida, tornando-a mais cheia de poesia. Afinal, é isso que Beethoven faz, ainda mais quando se trata do seu Concerto para violino e os dois romances para violino encontrados no disco. Existem inúmeros intérpretes desta que é uma das mais conhecidas obras do romantismo. Aqui a obra ganha uma leitura bastante bonita com a jovem violinista Suyoen Kim. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

Ludwig van Beethoven (1770-1827) - 

01. Beethoven Violin Concerto In D Major, Op. 61 I. Allegro ma non troppo (Cadenza - Fritz Kreisler)
02. Beethoven Violin Concerto In D Major, Op. 61 II. Larghetto
03. Beethoven Violin Concerto In D Major, Op. 61 III. Rondo. Allegro (Cadenza - Fritz Kreisler)
04. Beethoven Romance For Violin And Orchestra In G Major Op. 40
05. Beethoven Romance For Violin And Orchestra In F Major Op. 50

Wüttembergish Kammerorchester Heilbronn 
Ruben Gazarian, regente
Suyoen Kim, violino

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

Giovanni Battista Pergolesi (1710-1736) - Dixit Dominus

Pergolesi é como se conhece Giovanni Battista Draghi, nascido no vilarejo de Pergola, na Itália. Pergolesi era de uma família bastante humilde. Aos dezesseis anos, ingressou no Conservatório dos Pobres de Jesus Cristo. O compositor não escreveu muitas obras. Morreu ainda muito jovem, mas aquilo que escreveu é considerado como de altíssimo nível. O presente disco faz parte de uma projeto encabeçado pelo saudoso Claudio Abbado, que gravou as obras religiosas do compositor. O presente disco é de altíssimo nível. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

Giovanni Battista Pergolesi (1710-1736) - 

01. CONFITEBOR TIBI, DOMINE. I. Confitebor tibi, Domine
02. II. Confessio et magnificentia opus eius
03. III. Fidelia omnia mandata eius
04. IV. Redemptionem misit populo suo
05. V. Sanctum et terribile nomen eius
06. VI. Gloria Patri
07. VII. Sicut erat in principio
08. CHI NON ODE E CHI NON VEDE. Aria_ Chi non ode e chi non vede
09. Recitativo_ Di costei parlo
10. Largo_ Tu dovresti, Amor tiranno
11. Recitativo_ Ma dove io mi rivolgo_
12. Largo stentato_ Miseri affetti miei
13. Aria. Presto_ Cadro contento
14. SALVE REGINA a-moll. I. Salve Regina
15. II. Ad te clamamus
16. III. Eia ergo
17. IV. O clemens, o pia
18. DIXIT DOMINUS. I. Dixit Dominus
19. II. Virgam virtutis
20. III. Dominare
21. IV. Tecum principium
22. V. Juravit Dominus
23. VI. Dominus a dextris tuis
24. VII. Gloria Patri

Orchestra Mozart
Coro della Radiotelevisione Svizzera
Claudio Abbado, regente

Você podo comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!


domingo, 5 de novembro de 2017

Johan Sebastian Bach (1685-1750) - The Art Of Fugue, BWV 1080 e Ludwig van Beethoven (1770-1827) - String Quartet In B Flat, Op.130

Postagem de final de noite! Trata-se de um disco bastante interessante. Ele busca colocar em destaque as fugas de Bach e Beethoven. A arte da fuga, de Bach, é uma das obras mais conhecidas do gênero. Já recebeu inúmeras versões e adaptações. Beethoven já no final da vida, também escreveu a sua fuga, embora tenha feito uso do estilo em outras composições. A fuga é um estilo de composição contrapontística, polifônica, que tem a sua origem na música barroca. Excelente oportunidade para perceber e sentir o estilo. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

01. J.S. Bach_ The Art Of Fugue, BWV 1080 - Contrapunctus 1[Live In Sydney _ 2016]
02. J.S. Bach_ The Art Of Fugue, BWV 1080 - Contrapunctus 2[Live In Sydney _ 2016]
03. J.S. Bach_ The Art Of Fugue, BWV 1080 - Contrapunctus 3[Live In Sydney _ 2016]
04. J.S. Bach_ The Art Of Fugue, BWV 1080 - Contrapunctus 4[Live In Sydney _ 2016]
05. Beethoven_ String Quartet In B Flat, Op.130 - 1. Adagio ma non troppo - Allegro[Live In Sydney _ 2016]
06. Beethoven_ String Quartet In B Flat, Op.130 - 2. Presto[Live In Sydney _ 2016]
07. Beethoven_ String Quartet In B Flat, Op.130 - 3. Andante con moto ma non troppo. Poco scherzando[Live In Sydney _ 2016]
08. Beethoven_ String Quartet In B Flat, Op.130 - 4. Alla danza tedesca (Allegro assai)[Live In Sydney _ 2016]
09. Beethoven_ String Quartet In B Flat, Op.130 - 5. Cavatina (Adagio molto espressivo)[Live In Sydney _ 2016]
10. Beethoven_ String Quartet In B Flat, Op.130 - 6. Grosse Fuge In B-flat Major, Op. 133[Live In Sydney _ 2016]

Australian Chamber Orchestra 
Richard Tognetti

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

Johannes Brahms (1833-1897) - Symphony No.4 In E Minor, Op.98

O ano dessa gravação é o de 2012. Naquela ocasião, Gustavo Dudamel era um recém chegado à Filarmônica de Los Angeles. Havia muito incenso e publicidade em torno do jovem maestro. O venezuelano tinha sobre si os holofotes e os olhos curiosos para aquilo que realizaria como uma das grandes promessas da regência. Ele acabou por realizar algumas gravações bastante curiosas. Neste disco, por exemplo, Dudamel conduz a toda-poderosa Sinfonia No. 4, de Brahms. Sinceramente, já o percebi em realizações mais chamativas e promissoras. O fato é que o Brahms deste disco ficou bem aquém de Brahms e Dudamel. Mas a pena conferir. Não deixe de fazê-lo. Uma boa apreciação!

Johannes Brahms (1833-1897) - 

01. Symphony No.4 In E Minor, Op.98 - I. Allegro non troppo
02. Symphony No.4 In E Minor, Op.98 - II. Andante moderato
03. Symphony No.4 In E Minor, Op.98 - III. Allegro giocoso - Poco meno presto - Tempo I
04. Symphony No.4 In E Minor, Op.98 - IV. Allegro energico e passionato - Più allegro

Los Angeles Philharmonic
Gustavo Dudamel, regente

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

sábado, 4 de novembro de 2017

Franz Schubert (1797-1828) - String Quartet No.10 In E Flat Major, D.87, String Quartet No. 8 In B Flat Major, D.112 (Op. Post. 168), String Quartet No.9, D.173

Este disco é recém saído do forno. Foi lançado em setembro. Traz algumas obras camerísticas de Franz Schubert. Já enunciei aqui em alguns momentos a minha admiração pela música do austríaco. Schubert foi um compositor bastante privilegiado. Um compositor com qualidades extraordinárias. Aquilo que escreveu está entre o que há de mais fino e denso na histórica da música. Neste disco, encontramos três quartetos de cordas. É para ouvir muitas vezes. Não deixe de fazê-lo. Uma boa apreciação!

Franz Schubert (1797-1828) - 

01. Schubert_ String Quartet No.10 In E Flat Major, D.87-1. Allegro moderato
02. Schubert_ String Quartet No.10 In E Flat Major, D.87-2. Scherzo_ Prestissimo
03. Schubert_ String Quartet No.10 In E Flat Major, D.87-3. Adagio
04. Schubert_ String Quartet No.10 In E Flat Major, D.87-4. Allegro
05. Schubert_ String Quartet No. 8 In B Flat Major, D.112 (Op. Post. 168)-1. Allegro ma non troppo
06. Schubert_ String Quartet No. 8 In B Flat Major, D.112 (Op. Post. 168)-2. Andante sostenuto
07. Schubert_ String Quartet No. 8 In B Flat Major, D.112 (Op. Post. 168)-3. Menuetto_ Allegro
08. Schubert_ String Quartet No. 8 In B Flat Major, D.112 (Op. Post. 168)-4. Presto
09. Schubert_ String Quartet No.9, D.173-1. Allegro con brio
10. Schubert_ String Quartet No.9, D.173-2. Andantino
11. Schubert_ String Quartet No.9, D.173-3. Menuetto. Allegro vivace
12. Schubert_ String Quartet No.9, D.173-4. Allegro

Amadeus Quartet 

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

Modest Mussorgsky (1839-1881) - A Night on the Bare Mountain, Pictures at an Exhibition, Alexander Borodin (1833-1887) - Polovtsian Dances

Um disco fabuloso pelo conteúdo que encerra. Sou imensamente suspeito para falar qualquer coisa dos dois compositores que estão neste disco. Sou apaixonado pelas suas respectivas obras. Mussorgsky foi um sujeito que soube expressar o espírito delicado e grandioso da música russa. Suas obras apontam para um nacionalismo que buscava encontrar a música escondida nos interstícios históricos do seu país. Borodin foi outro nome que levou essa missão. Impossível ouvir estes dois discos sem ser visitado pela beleza que os dois criaram. Curiosamente ainda não conhecia Ken-Ichiro Kobayashi, o regente. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

01. A Night on the Bare Mountain
02. Pictures at an Exhibition, Suite - Promenade
03. Pictures at an Exhibition, Suite - The gnome
04. Pictures at an Exhibition, Suite - Promenade
05. Pictures at an Exhibition, Suite - The old castle
06. Pictures at an Exhibition, Suite - Promenade
07. Pictures at an Exhibition, Suite - Tuileries
08. Pictures at an Exhibition, Suite - Bydlo
09. Pictures at an Exhibition, Suite - Promenade
10. Pictures at an Exhibition, Suite - Ballet of unhatched chicks
11. Pictures at an Exhibition, Suite - Samuel Goldenberg and Schmuyle
12. Pictures at an Exhibition, Suite - Market Place at Limoges
13. Pictures at an Exhibition, Suite - Catacombs
14. Pictures at an Exhibition, Suite - With the dead in a dead language
15. Pictures at an Exhibition, Suite - Baba-Yaga
16. Pictures at an Exhibition, Suite - The great gate of Kiev
17. In the Steppes of Central Asia
18. Polovtsian Dances - Introduction,Andantino
19. Polovtsian Dances - Maiden's fluently refined dance,Andantino
20. Polovtsian Dances - Men's vehiment dance,Allegro vivo
21. Polovtsian Dances - Dance by all,Allegro
22. Polovtsian Dances - Boy's dance and Men's dance,Presto
23. Polovtsian Dances - Maiden's fluently refined dance,Moderato alla breve
24. Polovtsian Dances - Boy's dance and Men's dance,Presto
25. Polovtsian Dances - Dance by all,Allegro con spirito

The Arnhem Philharmonic Orchestra
Ken-Ichiro Kobayashi, regente

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!


sexta-feira, 3 de novembro de 2017

Jules Massenet (1842-1912) - Esclarmonde (ópera romanesque en quatre actes)

As óperas são raras por aqui. Quem frequenta este humilde espaço já pôde perceber que enfocamos a música orquestral de todos os períodos. Mas as óperas são quase ausentes. Sei que existe um público bastante qualificado que escuta óperas, por isso não me aventuro a tecer muitos comentários sobre os trabalhos. Todavia, vez ou outra, aparecem alguns trabalhos operísticos que vou ouvindo como um exercício de sensibilização. Foi o que aconteceu, por exemplo, com esta obra extraordinária de Jules Massenet. Trata-se de uma ópera com fortes emoções wagnerianas. É dramática em sua essência. Dizem até que o fato de ela ser pouco encenada está ligado ao fato de ser bastante difícil a sua interpretação. Baita disco! Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

Jules Massenet (1842-1912) - 

DISCO 01

01. PROLOGUE
02. ACTE 1
03
04
05
06
07
08
09. ACTE 2 - 1 Scène
10
11
12
13. ACTE 2 - 2 Scène
14
15

DISCO 02

01. ACTE 3 - 1 Scène
02
03
04
05
06. ACTE 3 - 2 Scène
07
08
09
10
11
12
13

DISCO 03

01. ACTE 4
02
03
04
05
06
07
08
09
10. ÉPILOGUE

National Philharmonic Orchestra
Richard Bonynge, condutor

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUIparte1
BAIXAR AQUIparte2

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!