quinta-feira, 14 de julho de 2011

Dmitri Shostakovich (1906-1975) - Concertos (complete)

Shostakovich foi um trabalhador incansável, destemido; um teimoso que não se deixou abater por amor à música e ao seu país. Sob a vigilância constante de um Estado onipresente, a vida de Shostakovich é um exemplo ou uma metáfora do artista num regime totalitário. O fato é que Shostakovich conseguiu fazer muito bem aquilo que suas intuições o inclinavam a fazer, convivendo com as demandas do Estado comunista. Sua música é romântica na abordagem das emoções, repleta de um sarcasmo, uma ironia fina(poderia chamar de ironia shostakochiana?) em tom parodístico. Shostakovich é múltiplo. Sua vida possuía imensas curvaturas. Não é possível compreendê-lo apenas com uma visão linear. Sua obra é reflexo dos vários gritos apriosionados que ele retinha. Ele é compositor que, necessariamente, viveu e escreveu dentro de um país comunista. Sua estética reflete esse fato. Era um grande admirador da obra de Bach, Beethoven e Mahler. Desse último, por exemplo, conseguiu ser impressionado pela força do universo sinfônico. A força marcial das sinfonias de Mahler, verdadeiros tratados filósoficos, estão dentro da obra de Shostakovich. Em Shostakovich, não é possível dissociar a vida da obra, pois uma se complementa na outra. Quando escuto o primeiro movimento (nocturno) do concerto no. 1 para violino não posso deixar de fazer uma reflexão sobre o seu ambiente histórico. O que leva um sujeito a começar um concerto para violino com uma reflexão tão dura, tão amrga, tão melancólica, quase niilista daquela? Tomemos a título de compração um concerto para violino de Mozart. É como se o dia nascesse. A manhã se fizesse bela e clara. No concerto para violino de Shostakovich, parece que a vida está grávida de um eclipse e que enxergamos apenas cintilações tristes. Não deixe de ouvir esse material que traz Mravisky, Oistrakh, Rozhdestvesnky, entre outros. Um bom deleite!

Dmitri Shostakovich (1906-1975) - Concertos (complete)

DISCO 01

Piano Concerto No. 1 Op. 35
01. I. Allegro moderato-allegro vivace-moderato
02. II. Lento
03. III. Moderato
04. IV. Allegro con brio

Piano Concerto No. 2 Op. 102
05. I. Allegro
06. II. Andante
07. III. Allegro

3 Fantasic Dances Op. 5
08. I. Allegretto
09. II. Andantino
10. III. Allegretto

Bournemouth Symphony Orchestra
Paavo Berglund, regente
Cristina Ortiz, piano

DISCO 02

Violin Concerto N°1 in A minor Op.99
01. I. Nocturne
02. II. Scherzo
03. III. Passacaglia-Burlesque

Leningrad Philharmonic Orchestra
Evgeny Mravisnky, regente
David Oistrakh, violino

Violin Concerto N°2 in C sharp minor Op.129
04. I. Moderato
05. II. Adagio, adagio-allegro

Moscow Philharmonic Orchestra
Gennady Rozhdestvesnky, regente
David Oistrakh, violino

DISCO 03

Shostakovich Cello Concerto No. 1 Op. 107
01. I. Allegretto
02. II. Moderato
03. III. Cadenza
04. IV. Allegro con moto

Cello Concerto No. 2 Op. 126
05. I. Largo
06. II. Allegretto
07. III. Allegretto

Moscow Symphony Orchestra
Valery Poliansky, regente
Alexander Ivashkin, cello

Você pode comprar este CD na Amazon

BAIXAR AQUI CD1
BAIXAR AQUI CD2

BAIXAR AQUI CD3


*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

4 comentários:

Leonardo Teixeira disse...

Todos os concertos de Shostakovich em um só post... Deus existe!

Leonardo Teixeira disse...

Acreditaria se eu dissesse que chorei ouvindo o segundo movimento do concerto para piano no.2?

Titã Ignácio disse...

Prezado Carlinus,

Acho que tem um probleminha com link do CD2, que remete ao arquivo com os concertos para violino de Shosta.

De resto, mais uma vez muitíssimo obrigado.

Carlindo José disse...

Muito obrigado por esta bela postagem dos concertos do grande Shostakovich. Só uma ressalva, o CD2 está com a última faixa corrompida, você poderia repostar a mesma, desde já agradeço.