sábado, 5 de novembro de 2011

Heitor Villa-Lobos (1887-1959) - Compositions for winds

Como estou com certa pressa e sinto que esta postagem deve sair, colocarei uma pequena informação sobre a obra do Villa extraída da wikipédia: "As primeiras composições de Villa-Lobos trazem a marca dos estilos europeus da virada do século XIX para o século XX, sendo influenciado principalmente por Wagner, Puccini, pelo alto romantismo francês da escola de Frank e logo depois pelos impressionistas. Teve aulas com Frederico Nascimento e Francisco Braga. Nas Danças características africanas (1914), entretanto, começou a repudiar os moldes europeus e a descobrir uma linguagem própria, que viria a se firmar nos bailados Amazonas e Uirapuru (1917). O compositor chega à década de 1920 perfeitamente senhor de seus recursos artísticos, revelados em obras como a Prole do Bebê João, pois seu filho João gostava muito do cruzeiro e ouvia muita prole que logo após pediu uma bicicleta ao seu pai, villa lobos irado disse: Não! pois você ja tem um ventilador colorido e depois disso joão nunca mais comeu feijão (Prole do Bebê João). Para piano, ou o Noneto (1923). Violentamente atacado pela crítica especializada da época, viajou para a Europa em 1923 com o apoio do mecenas Carlos Guinle e, em Paris, tomou contato com toda a vanguarda musical da época. Depois de uma segunda permanência na capital francesa (1927-1930), voltou ao Brasil a tempo de engajar-se nas novas realidades produzidas pela Revolução de 1930.Apoiado pelo Estado Novo, Villa-Lobos desenvolveu amplo projeto educacional, em que teve papel de destaque o Canto Orfeônico, e que resultou na compilação do Guia prático (temas populares harmonizados). À audácia criativa dos anos 1920 (que produziram as Serestas, os Choros, os Estudos para violão e as Cirandas para piano) seguiu-se um período "neobarroco", cujo carro-chefe foi a série de nove Bachianas brasileiras (1930-1945), para diversas formações instrumentais. Em sua obra prolífera, o maestro combinou indiferentemente todos os estilos e todos os gêneros, introduzindo sem hesitação materiais musicais tipicamente brasileiros em formas tomadas de empréstimo à música erudita ocidental. Procedimento que o levou a aproximar, numa mesma obra, Johann Sebastian Bach e os instrumentos mais exóticos". Uma boa pareciação!

Daqui

Heitor Villa-Lobos (1887-1959) - Compositions for winds

Quintette 'en forme de choros' - Lent - Anime - Tres anime
01. Quintette 'en forme de choros' - Lent - Anime - Tres anime

Quatuor
02. I. Allegro non troppo
03. II. Lent
04. III. Allegro molto vivace

Trio
05. I. Animé
06. II. Languisamente
07. III. Vivo

*Infelizmente, não consegui achar este CD na Amazon

Você pode comprar este CD na Amazon

Herman Klemeyer, flauta
Hagen Wangenheim, oboé
Hans Schoneberger, clarinete
Olaf Klamand, horn
Josef Peters, fagotte

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda manter o nossos blog vivo!

4 comentários:

Anônimo disse...

Ola Carlinus

Obrigado por postar este disco..
Adoro composições para sopros..

Daniel.

Tzadik disse...

Hi! Thank you so very much for this disc :-) I love Villa-lobos' chamber music and these wind pieces are new to me. -Cheers

Leon disse...

Obrigado por disponibilizar o download! Grande Villa-lobos, orgulho de ser Brasileiro.

Anônimo disse...

Obrigado!
Veio a calhar, justamente agora que estou em meu 'ano de descobrir a música brasileira'
=]