sábado, 25 de janeiro de 2014

Edward Elgar (1857-1934) - Symphony No.2 in E flat major, Op.63, Sospiri, Op.70 e Elegy for strings, Op.58

Elgar compôs duas sinfonias - e deixou uma terceira inacabada. Já tive a oportunidade de ouvir os três trabalhos. Acredito que nem a segunda, nem a terceira, sobrepujem a número 1. Ela é delicada, bonita e de muito bom gosto. Todavia, a número 2 possui, também, os seus encantos. Ela é do ano de 1911, época em Elgar gozava de um grande prestígio público em seu país. Elgar disse acerca do trabalho: "Ela é uma peregrinação apaixonada da alma". Ela é maheleriana em sua dramaticidade. Talvez, seja a quarta ou quinta vez que escuto essa sinfonia. E talvez precise ouvi-la mais um tanto de vezes. O fato é que me tornei simpático para com ela. O presente disco é um excelente registro. Vale ser ouvido. Ainda aparecem duas outras peças de Elgar, os opus 70 e 58. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

Edward Elgar (1857-1934) - 

Symphony No.2 in E flat major, Op.63
01. I. Allegro vivace
02. II. Larghetto
03. III. Rondo. Presto
04. IV. Moderato e maestoso

Sospiri, Op.70
05. Sospiri, Op.70

Elegy for strings, Op.58
06. Elegy for strings, Op.58

Você pode comprar este disco na Amazon

Royal Stockholm Philharmonic Orchestra
Skari Oramo, regente

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

2 comentários:

Anônimo disse...

MAGNIFICO CD, BRAVO!!!!! Não conhecia esse compositor ELGAR, a sonoridade do disco é fantástica!!!!! Parabéns para blog O SER DA MÚSICA pelo belissímo acervo de música clássica.

Sidmar Garcia disse...

Conheci o Elgar por meio do filme O som do coração (August Rush), excelente filme por sinal! Blog fantástico, sempre com o melhor da música e da cultura!