quarta-feira, 24 de julho de 2013

Gabriel Fauré (1845-1924) - Piano Quartet No. 1 in C minor, Opus 15 e Robert Schumann (1810-1856) - Piano Quintet in E-flat major, Opus 44

Sensacional este disco. As duas gravações são do ano de 1949. Tudo em mono. Mas o que fica é beleza, a elegância e energia extraída dos dois registros. A gravação do Quinteto para piano de Fauré me pareceu tecnicamente inferior em relação ao estupendo Quinteto para piano de Schumann - uma verdadeira joia. Rubinstein mostra aqui o porquê de ser considerado um dos maiores pianistas da história. As execuções possuem leveza. São vibrantes. O Quarteto Paganini executa uma música suave, mas carregada de graça e fluidez poética. Escute, por exemplo, o "In modo d'una marcia" da obra de Schumann e perceba o nível de beleza do disco. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

Gabriel Fauré (1845-1924) -

Piano Quartet No. 1 in C minor, Opus 15
01. I. Allegro molto moderato
02. II. Scherzo. Allegro vivo
03. III. Adagio
04. IV. Allegro molto

Robert Schumann (1810-1856) - 

Piano Quintet in E-flat major, Opus 44
05. I. Allegro brillante
06. II. In modo d'una marcia
07. III. Scherzo
08. IV. Allegro ma non troppo

Você pode comprar este disco na Amazon

Paganini Quartet
Henri Temianka, violino
Gustav Rosseels, violino
Robert Courte, violino
Adolphe Frezin, cello
Arthur Rubinstein, piano


Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela juda a manter o nosso blog vivo!

Nenhum comentário: