sexta-feira, 31 de março de 2017

Franz Schubert (1797-1828) - Quintet in E flat minor op.87 e Johann Nepomuk Hummel (1778-1837) - Quintet in A major 'Trout Quintet' op.114 D.667

Eis que neste disco encontro uma das minhas obras prediletas; querida, que não canso de ouvir. Estou a falar de A Truta, de Schubert, uma das obras camerísticas mais bonitas da história. A Truta é um prodígio do gênio schubertiano. Trata-se de obra de espírito ensolarado; uma obra leve; repleta de energia; de efeitos brincantes. A Truta foi uma das primeiras obras da música erudita que escutei ainda jovem. Aquilo me marcou profundamente. Quando a escuto, hoje, sinto ainda as mesmas emoções. Impossível ficar triste ao escutá-la. Difícil permitir que nuvens grávidas de melancolia se aproximem. Ela é um verdadeiro antídoto contra os maus presságios. Nela tudo é vida; uma vida irrequieta, buliçosa, acriançante. Há ainda presença de Hummel no disco, mas nada sobrepuja a obra de Schubert. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

Franz Schubert (1797-1828) -

01. Quintet in E flat minor op.87 - I. Allegro e risoluto assai
02. II. Menuetto. Allegro con fuoco
03. III. Largo
04. IV. Finale. Allegro agitato
05. Quintet in A major 'Trout Quintet' op.114 D.667 - I. Allegro vivace
06. II. Andante
07. III. Scherzo. Presto
08. IV. Thema. Andantino
09. IV. Variation I
10. IV. Variation II
11. IV. Variation III
12. IV. Variation IV
13. IV, Variation V
14. V. Allegretto
15. VI. Allegro giusto

Trio Wanderer

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

3 comentários:

Anônimo disse...

Passo sempre pelo teu site e nunca me decepciono! Concordo contigo: Schubert é alegria e pureza para a alma nesta peça genial!! Um bom fim de semana!!
Jorge Coelho - Porto Alegre/RS.

Sidmar Garcia disse...

Obrigado!

Wolfgang disse...

El quinteto en mi bemol menor Op.87 no es de Schubert sino de Johann Nepomuk Hummel