terça-feira, 24 de janeiro de 2017

Johann Sebastian Bach (1685-1750) - Brandenburg Concertos, BWV 1046-1051

No dia de ontem, eu postei uma versão de Os Concertos de Brandenburgo, as famosas, deliciosas,  imortais obras de Bach, com o Menuhin. Disse que a versão do grande violinista não me chamou a atenção. Esta com o Chailly, todavia, pareceu-me mais luminosa. Para começo de conversa, nunca escutei versão tão rápida quanto esta. O Chailly possui esta característica. Já postei uma integral com as sinfonias de Beethoven e me assustei com o que escutei. Fiquei curioso para saber o que o famoso regente faria com estas obras barrocas - ou pelo menos um dos pontos altos e representativos da música barroca. O ambiente natural do regente é o repertório romântico. A gravação ficou boa e recebeu inúmeros elogios dos comentaristas da Amazon. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

Johann Sebastian Bach (1685-1750) - 

DISCO 01

0101 Concerto No.1 in F major BWV 1046 - 1. (Allegro)
0102 Concerto No.1 in F major BWV 1046 - 2. Adagio, sempre piano
0103 Concerto No.1 in F major BWV 1046 - 3. Allegro
0104 Concerto No.1 in F major BWV 1046 - 4. Menuet - Trio - Menuet - Polonaise - Menuet - Trio -
0105 Concerto No.2 in F major BWV 1047 - 1. (Allegro)
0106 Concerto No.2 in F major BWV 1047 - 2. Andante
0107 Concerto No.2 in F major BWV 1047 - 3. Allegro assai
0108 Concerto No.3 in G major BWV 1048 - 1. (Allegro)
0109 Concerto No.3 in G major BWV 1048 - 2. Adagio (Cadenza)
0110 Concerto No.3 in G major BWV 1048 - 3. Allegro

DISCO 02

0201 Concerto No.4 in G major BWV 1049 - 1. Allegro
0202 Concerto No.4 in G major BWV 1049 - 2. Andante
0203 Concerto No.4 in G major BWV 1049 - 3. Presto
0204 Concerto No.5 in D major BWV 1050 - 1. Allegro
0205 Concerto No.5 in D major BWV 1050 - 2. Affettuoso
0206 Concerto No.5 in D major BWV 1050 - 3. Allegro
0207 Concerto No.6 in B flat major BWV 1051 - 1. (Allegro)
0208 Concerto No.6 in B flat major BWV 1051 - 2. Adagio ma non tanto
0209 Concerto No.6 in B flat major BWV 1051 - 3. Allegro

Gewandhausorchester
Riccardo Chailly, direção

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

Today Deal $50 Off : https://goo.gl/efW8Ef

2 comentários:

Victor Palmiéri disse...

Confira a interpretação de Alessandrini (para mim a imbatível, junto com Britten), é a mais rápida que já ouvi!

Igor Freiberger disse...

As interpretações da Hoffkapelle München, com Rudiger Lotter, da La Stravaganza, com Siegbert Rampe, e do Concerto Italiano, com Rinaldo Alessandrini, são as mais rápidas que conheço. Aliás, há um clara tendência atual a se acelerar os Concertos. É interessante ouvi-las para ter uma visão diferente, mas não gosto dessas acelerações enlouquecidas. Parece que estão apostando corrida para ver quem chega primeiro ao classicismo. Depois de ouvir uma destas ou o disco do Chailly, é um choque voltar à OC de Wüntterberg ou ao Festival de Cordas de Lucerna, que estão no extremo oposto. Minhas favoritas ainda são a do I Musici, a de Trevor Pinnock com The English Concert e, sobretudo, a da OC de Stuttgart, com Münchinger, Curiosamente, as três dos anos 80.