segunda-feira, 27 de maio de 2013

Johannes Brahms (1833-1896) - Symphony No.1 in C minor, Op.68 e Symphony No.2 in D, Op.73 (CDs 1 e 2 de 5)

Como podem observar os visitantes incidentais deste blog, minha grande sina é postar Brahms. Acredito, analisando as postagens dos últimos tempos, que Brahms tenha sido o compositor que mais apareceu por aqui. E existe uma explicação para isso. Com certeza, o alemão é um dos meus compositores prediletos. Não me canso de ouvi-lo. Não sei quantas versões de suas sinfonias eu já postei. O que posso dizer é que aqui vai mais uma com Carlo Maria Giulini. Postei há alguns dias atrás o mesmo Giulini regendo estas sinfonias. A diferença é que postei a Chicago Symphony Orchestra; agora, posto a Filarmônica de Viena. É uma caixa para ouvir em grande de devoção. Não deixe de fazê-lo. Temos Brahms. E isso já diz tudo. Uma boa apreciação!

Johannes Brahms (1833-1896) - 

DISCO 01

Symphony No.1 in C minor, Op.68
01. I. Un poco sostenuto, Allegro
02  II. Andante sostenuto
03  III. Un poco allegretto e grazioso
04  IV. Adagio non troppo ma con brio

DISCO 02

Symphony No.2 in D, Op.73
01. I. Allegro non troppo
02. II. Adagio non troppo
03. III. Allegretto grazioso (Quasi Andantino)
04. IV. Allegro con spirito
  
Você pode comprar este disco na Amazon
Wiener Philharmoniker
Carlo Maria Giulini, regente


*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela juda a manter o nosso blog vivo!

Um comentário:

Efren Acevedo disse...

Coincidimos, Carlinus en nuestra predilección por Brahms. Y su primera es mi preferida, no sólo entre las de Brahms, sino tambien de entre todo el repertorio sinfónico que conozco
Gracias por este aporte...