sexta-feira, 8 de junho de 2012

Johannes Brahms (1833-1897) - Symphony no. 4 in E minor, op. 98 e Tragic Overture, op. 81 (CD 4 de 4 - final)

Mais um Brahms! Só que dessa vez é para finalizar o ciclo completo com as sinfonias do mestre alemão, gravadas com Ricardo Muti. Para muitos, é a sinfonia que mais evocou o Romantismo. Ela foi composta nos anos de 1884 e 1885. O primeiro movimento, por exemplo, dá-nos um susto. É que a obra já começa pelo tema. De repente, o ouvinte é transladado e colocado no meio de uma massa sonora arrebatadora. É como se ele fosse jogado em meio a uma conversa acalorada. O segundo movimento traz as sombras de uma reflexão de requiem, como se as dores do mundo viessem nos visitar. O terceiro movimento é um núcleo irradiador de forças e energias criadoras. E, finalmente, o quarto movimento consegue mostrar como se faz uma obra utilizando o bom e velho classicismo. Curiosamente, Brahms viveria ainda mais doze anos após compor a quarta sinfonia. Questionamo-nos: por que Brahms não compôs uma quinta ou uma sexta sinfonia? Apenas uma pergunta boba que, quiça, encerre algum mistério. Em quase trinta anos, Brahms escreveu apenas quatro sinfonias. Schubert viveu pouco mais de trinta anos e compôs nove sinfonias ao todo. Se bem que não podemos comparar as sinfonias de Schubert às de Brahms. Muitas sinfonias daquele compositor são "rabiscos adolescentes" (peço desculpas ao fãs de Schubert, também gosto dele) perto das de Brahms. As sinfonias de Brahms são eventos à parte. São mundos colossais. Talvez, os únicos compositores capazes de duelarem com ele em grandiosidade sinfônica sejam Mahler e Bruckner - embora com outra abordagem estética. Brahms faz música absoluta. É o verdadeiro clássico vestido de uma paixão avassaladora. Ele consegue retirar os elementos mais viscerais de suas composições. Mas, deixemos as divagações e nos centremos na música, que é grande, imensa. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

Johannes Brahms (1833-1897) - Symphony no. 4 in E minor, op. 98 e Tragic Overture, op. 81

Symphony No. 4 in E minor, Op. 98
01. I. Allegro non troppo
02. II. Andante moderato
03. III. Allegro giocoso - poco meno presto
04. IV. Allegro energico e passionato - Più allegro

Tragic Overture, op. 81
 05. Tragic Overture, op. 81

Você pode comprar este CD na Amazon

Philadelphia Orchestra
Riccardo Muti, regente

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

2 comentários:

João Marcos T. Theodoro disse...

Brahms fez música quando todos queriam só causar impressão.

Muito obrigado, estava esperando especialmente por essa sinfonia dele, Carlinus.

r. silva disse...

Sois um ser humano generoso. Grato.