domingo, 13 de fevereiro de 2011

L. V. Beethoven (1770-1827) - Concerto para violino e orquestra em Ré maior, Op. 61, Romance No. 1 em Sol maior, Op. 40 e Romance No. 2 etc

O concerto para violino e orquestra de Beethoven é algo que nos faz serenar, aquietar; ele permite possibilidades arrebatadoras. É um dos primeiros concertos que tive a oportunidade de encontrar. Recordo-me de bons momentos de exultação que tive ao ouvir este concerto. Esta gravação em particular reserva-nos boas alegrias. Traz o mestre Furtwängler, um dos maiores regentes do século XX ( e por que não dizer da história?), na regência e Menuhin, o extraordinário violinista judeu, ao violino. O concerto para violino foi gravado em 1947, no Festival de Lucerne e os dois romances para violino foram gravados em 1953 pela poderosa Philharmonia Orchestra. Uma boa apreciação!

Ludwig van Beethoven (1770-1827) - Concerto para violino e orquestra em Ré maior, Op. 61, Romance No. 1 em Sol maior, Op. 40 e Romance No. 2 em Fá maior, Op. 50

Concerto para violino e orquestra em Ré maior, Op. 61*
01. Allegro ma non troppo (Cadenza: Kreisler)
02. Larghetto
03. Rondo (Allegro) (Cadenza: Kreisler)

Romance No. 1 em Sol maior, Op. 40**
04. Romance No. 1 em Sol maior, Op. 40

Romance No. 2 em Fá maior, Op. 50**
05. Romance No. 2 em Fá maior, Op. 50

Você pode comprar este CD na Amazon

Lucerne Festival Orchestra*
Philharmonia Orchestra
**
Wilhelm Furtwängler, regente
Yehudi Menuhin, violino

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante! Ajuda a manter o nosso blog vivo!

4 comentários:

Ralf R só-a-consciência-no-ato-salva! disse...

Obrigado! Essa foi a "minha" versão desse concerto por muuuuuitos anos - a que eu tinha em vinil - e ainda não tinha digitalizada. Um presentão!

Carlinus disse...

De nada, estimado Ralf.

Grande abraço!

Murillo Missaci ♭ disse...

Eu estava com dúvidas, em baixar o Concerto de Beethoven com Menuhin ou Mutter, escolhi Menuhin, não tenho nada dele, ele é ótimo e estou um pouco cansado de ouvir Mutter!

Obrigado pela postagem! Um Allegro Abraço!

Dirceu Scarparo Vargas disse...

Mesmo sendo uma gravação em Mono é um assombro,um espanto de precisão,técnica e rara beleza.
Todos estão perfeitamente perfeitos.Grato.Abraço.Dirceu.