sábado, 4 de novembro de 2017

Franz Schubert (1797-1828) - String Quartet No.10 In E Flat Major, D.87, String Quartet No. 8 In B Flat Major, D.112 (Op. Post. 168), String Quartet No.9, D.173

Este disco é recém saído do forno. Foi lançado em setembro. Traz algumas obras camerísticas de Franz Schubert. Já enunciei aqui em alguns momentos a minha admiração pela música do austríaco. Schubert foi um compositor bastante privilegiado. Um compositor com qualidades extraordinárias. Aquilo que escreveu está entre o que há de mais fino e denso na histórica da música. Neste disco, encontramos três quartetos de cordas. É para ouvir muitas vezes. Não deixe de fazê-lo. Uma boa apreciação!

Franz Schubert (1797-1828) - 

01. Schubert_ String Quartet No.10 In E Flat Major, D.87-1. Allegro moderato
02. Schubert_ String Quartet No.10 In E Flat Major, D.87-2. Scherzo_ Prestissimo
03. Schubert_ String Quartet No.10 In E Flat Major, D.87-3. Adagio
04. Schubert_ String Quartet No.10 In E Flat Major, D.87-4. Allegro
05. Schubert_ String Quartet No. 8 In B Flat Major, D.112 (Op. Post. 168)-1. Allegro ma non troppo
06. Schubert_ String Quartet No. 8 In B Flat Major, D.112 (Op. Post. 168)-2. Andante sostenuto
07. Schubert_ String Quartet No. 8 In B Flat Major, D.112 (Op. Post. 168)-3. Menuetto_ Allegro
08. Schubert_ String Quartet No. 8 In B Flat Major, D.112 (Op. Post. 168)-4. Presto
09. Schubert_ String Quartet No.9, D.173-1. Allegro con brio
10. Schubert_ String Quartet No.9, D.173-2. Andantino
11. Schubert_ String Quartet No.9, D.173-3. Menuetto. Allegro vivace
12. Schubert_ String Quartet No.9, D.173-4. Allegro

Amadeus Quartet 

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

3 comentários:

Jorge Luis Argüero disse...

Se possível, deixe um comentário.
Sua participação é importante.
Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

Claro que sim, Carlinus.!!
É possível tanto que nos ajudem com a
música extraordinária que você carrega
no seu blog. . .
Muito Obrigado e receba uma cordial
saudação, de Buenos Aires.-

Wellington Mendes disse...

Que joia. O que você diz sobre Schubert é exato. Grato! Abrs.

Jorge Luis Argüero disse...

Buenísimo..!!
Mil Gracias. . .
Carlinus, Hermano..!!