segunda-feira, 4 de abril de 2016

Anton Bruckner (1824-1896) - Symphony No.9 in D minor

A Nona Sinfonia de Bruckner, repleta de força mística e permeada por simbologias, é um trabalho especial. É uma espécie de celebração da grandeza artística do seu grande compositor. Somente um Bruckner para escrevê-la. Todo o conjunto de dramas que ensejaram a sua materialidade, já a torna válida. Ela parece reunir a maviosidade espiritual e a procura pela qual Bruckner ansiou por toda a vida. A Royal Concertgebouw Orchestra, uma das mais espetaculares orquestras dos mundo, possui uma história de boas realizações com a música de Bruckner. Esta gravação com o letão Mariss Jansons se justapõe positivamente a esta tradição. Trata-se de grande registro. Não deixe de ouvir. Uma boa apreciação!

Anton Bruckner (1824-1896) - 

Symphony No.9 in D minor
01. I. Feierlich. Misterioso
02. II. Scherzo. Bewegt, lebhaft - Trio. Schnell
03. III. Adagio. Langsam feierlich

Royal Concertgebouw Orchestra
Mariss Jansons, regente

Você pode comprar este disco na Amazon

BAIXAR AQUI

*Se possível, deixe um comentário. Sua participação é importante. Ela ajuda a manter o nosso blog vivo!

Nenhum comentário: